19 de jul de 2008

Dercy Gonçalves morre aos 101 anos


Atriz e comediante deu entrada no hospital com sintomas de pneumonia

Morreu na tarde deste sábado, no Rio de Janeiro, a atriz e comediante Dercy Gonçalves, de 101 anos. Ela estava internada no Hospital São Lucas, em Copacabana. O hospital confirmou a morte dela no final da tarde. Segundo informações do site G1, Dercy foi internada na madrugada deste sábado com um quadro de pneumonia comunitária grave, que evoluiu para uma sepse pulmonar e insuficiência respiratória. O Estado do Rio de Janeiro decretou luto oficial de três dias. Trajetória começou cedoAos 17 anos, Dercy desafiou padrões da época ao fugir de casa com uma companhia de teatro. Trocou seu nome de batismo, Dolores Costa Bastos, para tornar-se Dercy Gonçalves, uma atriz da época do teatro rebolado e das chanchadas. Dercy também passou pela televisão e foi uma das primeiras contratadas da Rede Globo, onde estrelou os dois primeiros programas de sucesso da emissora no horário nobre. Em 1989, fez o papel da mãe da rainha na novela "Que Rei Sou Eu?". Em 1991, aos 84 anos, sofreu um acidente de carro e quebrou a bacia. Ainda se recuperando, foi para a Marquês de Sapucaí com os seios à mostra, homenageada no enredo da Unidos da Viradouro — em 2004, voltou a ser destaque, dessa vez em um carro da Salgueiro. Também em 1991, passou por uma cirurgia por conta de uma úlcera e de um tumor. Em 1992, participou da novela "Deus nos acuda", fazendo o papel de um anjo da guarda nada convencional. A atriz, que ameaçou posar nua aos 90 anos, não gostava de água, nem a do mar. Ela mandou construir seu túmulo — com formato de pirâmide — no cemitério em que seu pai foi coveiro, em Santa Maria Madalena, sua cidade natal. Lá também fica o museu Dercy Gonçalves, com diversos objetos pessoais da atriz.

Fonte: Jornal Zero Hora, Porto Alegre, RS

Foto: Dulce Helfer, 14/10/2004

Nenhum comentário: