23 de mai de 2008

Desenvolvimento com inclusão social




“O autor propõe um novo padrão de financiamento de investimentos de longo prazo, especialmente de projetos estratégicos em infra-estrutura da nova política industrial, tecnológica e de comércio exterior; de adensamento e enobrecimento de cadeias intersetoriais e de novos programas prioritários para acelerar o processo de inclusão social”, escreve na apresentação do livro o ministro Tarso Genro, da Justiça.

No prefácio da obra, o ministro Patrus Ananias, do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, acrescenta: “Este livro é muito oportuno ao apresentar com brilhantismo uma importante reflexão acadêmica e um conjunto prático de proposições que têm a distribuição da riqueza e da renda e a inclusão social como pré-requisitos centrais para a implantação de um novo ciclo virtuoso e duradouro de desenvolvimento.”

A Dualidade Contemporânea... é o segundo livro de Cézar Medeiros. O primeiro foi Banco Universal Contemporâneo, que reproduz sua tese de doutorado sobre o uso da conglomeração financeira como agentes de fomento, sem prejuízo da atuação comercial.

O autor

Cézar Medeiros trabalhou 20 anos no Banco do Brasil e dez anos como diretor de grandes empresas, entre elas Petrobras. O economista também foi consultor da Cepal (Comissão Econômica para a América Latina e Caribe, organismo da ONU) e diretor da Fundação João Pinheiro.
_______________________________________________________________

Fonte: Sindicato dos Bancários de Brasília

Nenhum comentário: